Diálogo Interativo

Espaço para troca de ideias sobre diversos assuntos, com destaque para atualidades, comunicação, política, educação e relações humanas.

22 janeiro, 2007

Paternidade

Não gosto muito de escrever a meu respeito aqui. Mas hoje vou abrir uma exceção.

Gostei muito da forma como 2007 começou para mim. Tirei férias, pude desligar-me totalmente do trabalho, das parafernálias eletrônicas e passar oito dias inteiros cuidando praticamente sozinho dos meus filhos. Adoro estar só nós três. Não saímos muito em função da chuva quase ininterrupta do período, o que possibilitou inventarmos muitas brincadeiras. Adoro ficar por conta deles — cozinhar, brincar, conversar, dar banho, escovar os dentes, colocar pra dormir, acordar com os dois pulando em cima de mim... Tudo isso tem um valor imenso para mim, já que não moro com eles.

Desde que me separei, tenho buscado literatura específica sobre o assunto, especialmente em relação aos filhos. Achei algumas coisas interessantes, mas é claro que não se pode ir acreditando em tudo que a gente lê. O importante é buscar referências, não receitas prontas.

Entretanto, o que mais me marcou foi a minha filha, de 1 ano e 10 meses, que ainda não fala muito, ter destravado a língua durante estes oito dias e ter passado, desde então, a me chamar espontaneamente de papai. Foi a glória, o êxtase. Até o meu filho, de 4 anos e meio, percebeu que ela está falando mais. Coincidência ou não, sou grato a Deus por ter tido a oportunidade de contribuir para isso acontecer.

Tenho a certeza de que eles me amam, mesmo que não estejamos juntos todos os dias.

4 Comments:

  • At 11:02, Blogger Carmen said…

    Oi, João!!!

    Desejo a você um feliz 2007 e muitas férias bonitas como essas ao longo da vida!!!

    Um abraço.

     
  • At 12:13, Blogger João Flávio Resende said…

    Oi, Carmen.

    Desejo o mesmo pra você. E vamos postar, uai!

    Beijo.

     
  • At 02:46, Anonymous Carla said…

    Adorei suas férias...muito lindo o q vc escreveu. Não tenho filhos mas imagino como deve ser pra vc, papai.
    beijos e queijos
    Carla Nunes

     
  • At 15:14, Blogger João Flávio Resende said…

    Carla, como vai, sumida?

    Minha relação com meus filhos é um verdadeiro caso de amor. Quando estou com eles o tempo pára, o mundo fica colorido e eu fico pelo menos 25 anos mais jovem.

    Beijo.

     

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home